quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Deveres dos Pais em relação à Educação Formal dos filhos

A educação acontece em dois planos: o informal e o formal. Informalmente dizendo, a educação acontece mediante a atuação direta dos pais na vida dos filhos, em contato direto com eles, essa maneira de educar é de extrema importância, pois é determinante ao desenvolvimento da personalidade. É uma forma de passar aos filhos os valores importantes que se tem, é revestido de afeto e emoção, que só podem ser demonstrados com a convivência espontânea com o filho. Ajudando-os a amadurecer e aprimorar sua personalidade. A educação formal consiste na escolaridade realizada nos estabelecimentos de ensino, é direito garantido por lei, bem como o acesso a escola pública. Nesse sentido, a função dos pais consiste na escolha do estabelecimento escolar, no ato de matriculá-lo e acompanhá-lo durante o aprendizado.[17]

A educação formal não deve ser função somente dos educadores, é importante a participação dos pais no processo pedagógico e educativo o qual o filho está sendo submetido.
Aspectos fundamentais acerca do poder familiar
NOGUEIRA, Grasiéla. Aspectos fundamentais acerca do poder familiar. In: Âmbito Jurídico, Rio Grande, 84, 01/01/2011 [Internet].

 
Está na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): as escolas têm a obrigação de se articular com as famílias e os pais têm direito a ter ciência do processo pedagógico, bem como de participar da definição das propostas educacionais.
O que sempre ouvi e ainda ouço dos pais em relação à educação formal dos filhos:
  • É preciso ir à escola mesmo que não for chamado.
  • Vou sempre às reuniões.
  • Eu ajudei a escolher o colégio.
  • Verifico se fez a lição de casa.
  • Não deixo faltar às aulas.
  • Não faço a lição de casa por ele.
A negativa

  •  Não tenho tempo para cuidar desses assuntos escolares.
  •  O professor não se encontra disponível nos horários que eu posso.
  • O professor que deve cuidar desse assunto.
Há um grande mito que diz que a família não se interessa pela escola, eu não creio nisso e há pesquisas que mostram que há sim o interesse da família.
O movimento de aproximação deve partir da escola. A escola comprometida com o sucesso de seus alunos está sempre de portas abertas para receber os pais e promover o diálogo sem impor, assim a criança se sente mais importante e acolhida. Sendo na escola pública ou na escola particular os pais desejam que seus filhos aprendam.
O envolvimento dos pais com a escola pode ser decisivo no sucesso ou no fracasso escolar dos filhos.

Medo - O grande medo dos pais na escola seja Pública ou Privada é em relação às drogas e violência.

 Questionamento de alguns profissionais da área de Educação em relação aos pais e escola:
 Na escola pública a grande preocupação é com o que a escola dá: Leite, uniforme, material escolar, merenda e acaba deixando de lado a Educação Formal e conteúdos em sala de aula.
Na minha opinião o leite, uniforme, etc. são também importantes, mas a Educação precisa se encontrar em primeiro lugar.
Deveres dos pais
  • Conhecer a escola de seu filho - Espaço Físico, auxiliares, professores, cardápio (se houver refeições na escola), gestores.
  •  Conhecer os métodos da escola.
  •  Não ter medo quando for chamado na escola, ouvir o que o professor tem a dizer.
  •  Disponibilizar um tempo para a Educação formal dos filhos: lição de casa, estudos, verificar cadernos, livros, etc.
Dica
  • Criar grupo de pais para propor, estender melhorias e ficar sempre presente.
  •  Propor horários alternativos para reuniões.
Fica a dica
Os pais cobrando melhorias perante a escola, levará a escola cobrar melhorias perante o Governo. Isso não vale apenas para escola pública, particulares também de todos os níveis de ensino.

Elton John e marido apresentam Zachary

A revista britânica OK! deste mês traz na capa a primeira imagem de Zachary Jackson Levon, filho do cantor e compositor Elton John e de seu marido, o produtor de cinema David Furnish.

Em um trecho da matéria liberada pelo site da publicação, o músico revela a emoção de segurar o bebê, gerado por uma barriga de aluguel e nascido no dia 25 de dezembro, pela primeira vez:
- Nunca senti isso na minha vida. Você fica tão assombrado. Nunca mais me esquecerei daquele sentimento, completando que se dedicará a encher o filho de amor e não de bens materiais.
O casal também lembra das tentativas frustradas de adotar duas crianças ucranianas em 2009, afirmando que ainda se preocupam com elas e pretendem direcioná-las para um lar seguro e adequado.
Sou super fã dele, cresci escutando suas músicas, pois a minha mãe amava.
É isso aí Elton, encha o seu filho de amor e não de bens materiais. Muitas felicidades para essa família!!!

Ser Pedagogo

Ser Pedagogo não é apenas ser Professora, Mestre, Tia, Coordenadora, Supervisora, Orientadora, Dona de escola.
É mais do que isso.
É ser Responsável.
Ser Pedagogo é ter coragem de enfrentar uma sociedade deturpada, equivocada sem valores morais nem princípios.
Ser Pedagogo é ser valente, pois sabemos das dificuldades que temos em nossa profissão em nosso dia a dia.
Ser Pedagogo é saber conhecer seu caminho, sua meta, e saber atingir seus objetivos.
Ser Pedagogo é saber lidar com o diferente, sem preconceitos, sem distinção de cor, raça, sexo ou religião.
Ser Pedagogo é ter uma responsabilidade muito grande
nas mãos.
Talvez até mesmo o futuro...
Nas mãos de um Pedagogo concentra- se o futuro de muitos médicos, dentistas, farmacêuticos, engenheiros, advogados, jornalistas, publicitários ou qualquer outra profissão...
Ser Pedagogo é ser responsável pela vida, pelo caminho de cada um destes profissionais que hoje na faculdade e na sociedade nem se quer lembram que um dia passaram pelas mãos de um Pedagogo.
Ser Pedagogo é ser mais que profissional, é ser alguém que acredita na sociedade, no mundo, na vida.
Ser Pedagogo não é fácil, requer dedicação, confiança e perseverança.
Hoje em dia ser Pedagogo em uma sociedade tão competitiva e consumista não torna-se uma profissão muito atraente, e realmente não é.
Pois os valores, as crenças, os princípios, os desejos estão aquém do intelecto humano.
Hoje a sociedade globalizada está muito voltada para a vida materialista.
As pessoas perderam- se no caminho da dignidade e optaram pelo atalho da competitividade, é triste pensar assim, muito triste pois este é o mundo dos nossos filhos, crianças que irão crescer e tornar- se adultos.
Adultos em um mundo muito poluído de idéias e sentimentos sem razão.
Adultos que não sabem o que realmente são.
Alienados, com interesses voltados apenas pelo Ter e não pelo Ser.

Ser Pedagogo é ter a missão de mudar não uma Educação retorcida, mas ser capaz de transformar a sociedade que ainda está por vir.
Pode ser ideologia pensar assim, mas como Pedagogos temos a capacidade de plantar hoje nesta sociedade tão carente de valores, sementes que um dia irão florescer.
E quem sabe essa mesma sociedade que hoje é tão infértil possa colher os frutos que só a Pedagogia pode dar.