terça-feira, 23 de agosto de 2011

Festa de acordo com a idade - 3 a 7 anos

A criança se torna super ativa. Já conhece os limites, padrões e comportamento. Entende que é um indivíduo atuante em sociedade.
É a fase que a criança exige e sonha com a sua festa de aniversário.

Festa - Se couber no orçamento, será ótimo realizar a festa em Buffets Infantis, pois há muita energia para as crianças gastar. E se não couber no orçamento, não se culpe, pode ser em casa mesmo. O que a criança quer é a festa e a mesa montada no tema que ela escolheu.

Horário - Final da tarde e começo da noite, não deve ultrapassar às 21h.

Tema - Primeiro pergunte ao seu filho. A maioria das meninas preferem Princesas Disney, Barbie, Hello Kitty. E para os meninos Ben 10, Liga da Justiça, Homem aranha.

Convites - Podem seguir o tema.

Recreação - Nos buffets, não precisa se preocupar, pois já terão algumas atrações. Em casa, contrate um animador que tenha gincanas ou recrute um voluntário. Pode ser um tio que faça mágicas, mas nada cansativo. Deixe-as livres.


Oficinas gastronômicas como a Oficina de Cupcakes também faz Sucesso.
Consulte nossas oficinas estimulakids@estimulakids.com.br


O que servir - Salgadinhos (incluindo os clássicos Bolinha de queijo e Coxinha de frango), sanduíches (Mini hot dog, Hambúrguer). Para beber no máximo 2 opções de refrigerantes, mas sempre o melhor é o suco natural.
 O bolo, como sempre, de chocolate e não deixe faltar brigadeiro.
Tenha à mão água mineral, depois de tantas brincadeiras elas terão sede.

Lembrancinhas - Jogos, Kit de pintura, quebra-cabeça, memória, palitinhos.

Lembre-se - Nessa idade começam a acontecer as briguinhas, fique de olho e não dê tanta atenção para reclamações das brigas de crianças, senão perderá o foco que é A FESTA.
Crie pausa nas brincadeiras, senão as crianças esquecem de comer.

2 comentários:

  1. Oi Kelly,
    ótimas as suas dicas.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Sempre curto suas dicas, aguardando dos 10 anos, please!
    Níver da Mel final de setembro, no salão do prédio, com orçamento curtíssimo,rsrsr
    Bjs

    ResponderExcluir

O que tem a dizer?

Ser Pedagogo

Ser Pedagogo não é apenas ser Professora, Mestre, Tia, Coordenadora, Supervisora, Orientadora, Dona de escola.
É mais do que isso.
É ser Responsável.
Ser Pedagogo é ter coragem de enfrentar uma sociedade deturpada, equivocada sem valores morais nem princípios.
Ser Pedagogo é ser valente, pois sabemos das dificuldades que temos em nossa profissão em nosso dia a dia.
Ser Pedagogo é saber conhecer seu caminho, sua meta, e saber atingir seus objetivos.
Ser Pedagogo é saber lidar com o diferente, sem preconceitos, sem distinção de cor, raça, sexo ou religião.
Ser Pedagogo é ter uma responsabilidade muito grande
nas mãos.
Talvez até mesmo o futuro...
Nas mãos de um Pedagogo concentra- se o futuro de muitos médicos, dentistas, farmacêuticos, engenheiros, advogados, jornalistas, publicitários ou qualquer outra profissão...
Ser Pedagogo é ser responsável pela vida, pelo caminho de cada um destes profissionais que hoje na faculdade e na sociedade nem se quer lembram que um dia passaram pelas mãos de um Pedagogo.
Ser Pedagogo é ser mais que profissional, é ser alguém que acredita na sociedade, no mundo, na vida.
Ser Pedagogo não é fácil, requer dedicação, confiança e perseverança.
Hoje em dia ser Pedagogo em uma sociedade tão competitiva e consumista não torna-se uma profissão muito atraente, e realmente não é.
Pois os valores, as crenças, os princípios, os desejos estão aquém do intelecto humano.
Hoje a sociedade globalizada está muito voltada para a vida materialista.
As pessoas perderam- se no caminho da dignidade e optaram pelo atalho da competitividade, é triste pensar assim, muito triste pois este é o mundo dos nossos filhos, crianças que irão crescer e tornar- se adultos.
Adultos em um mundo muito poluído de idéias e sentimentos sem razão.
Adultos que não sabem o que realmente são.
Alienados, com interesses voltados apenas pelo Ter e não pelo Ser.

Ser Pedagogo é ter a missão de mudar não uma Educação retorcida, mas ser capaz de transformar a sociedade que ainda está por vir.
Pode ser ideologia pensar assim, mas como Pedagogos temos a capacidade de plantar hoje nesta sociedade tão carente de valores, sementes que um dia irão florescer.
E quem sabe essa mesma sociedade que hoje é tão infértil possa colher os frutos que só a Pedagogia pode dar.