quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

O Natal está nos detalhes... Os votos de Ano Novo também.


<>



Na "lampadinha" do pisca-pisca

   
Nas bolinhas na árvore mais enfeitadas e diferentes do ano passado







No soninho gostoso do gatinho que acompanhou acordado toda a noite de Natal sem receber atenção






No brinde de supermercado que será esquecido no próximo mês


Todos os anos pequenas coisas se repetem, mas se não ocorrerem, não parece Natal.

Desejo que em 2011 você:

Se culpe menos daquilo que não tem e nunca terá culpa
Brinque sem brinquedos



Não tenha medo de subir um degrau por parecer alto demais

Não aceite nada de estranhos


Possa libertar sentimentos e pensamentos negativos






Tenha tempo para você


Tenha sempre mais de um copo à sua mesa

Veja que Exagerar no chocolate de vez em quando faz muito bem

Que seu namoro saia da vitrine



Possa sentir a chuva da melhor maneira possível




Tenha mais cinco minutinhos toda segunda feira




Se apaixone diversas vezes pela mesma pessoa
 

<> 
Veja que o azar não tem nada a ver com a cor do gato

Esse ano foi muito bom, pois pude viver e descobrir diversos sentimentos, pessoas, habilidades, temperamentos e o meu blog que a cada dia se torna o meu xodózinho.
Amei escrever para as mamães, papais, titias, madrinhas...
Obrigada à todos que me acompanharam e incentivaram à busca de novos caminhos.
2011, logo nos primeiros dias, volto cheia de novidades para todos os leitores.
O mundo das crianças para os adultos não ficará apenas nos textos aqui, vou poder ajudar muitas mamães pessoalmente.
Aguardem!!!

Agora é hora de comemorar!!!
Dezembro é mês de correria, mas é gostoso, não é?
Feliz 2010
Bem vindo para Felicidade
2011

Feliz Natal 2010

Ser Pedagogo

Ser Pedagogo não é apenas ser Professora, Mestre, Tia, Coordenadora, Supervisora, Orientadora, Dona de escola.
É mais do que isso.
É ser Responsável.
Ser Pedagogo é ter coragem de enfrentar uma sociedade deturpada, equivocada sem valores morais nem princípios.
Ser Pedagogo é ser valente, pois sabemos das dificuldades que temos em nossa profissão em nosso dia a dia.
Ser Pedagogo é saber conhecer seu caminho, sua meta, e saber atingir seus objetivos.
Ser Pedagogo é saber lidar com o diferente, sem preconceitos, sem distinção de cor, raça, sexo ou religião.
Ser Pedagogo é ter uma responsabilidade muito grande
nas mãos.
Talvez até mesmo o futuro...
Nas mãos de um Pedagogo concentra- se o futuro de muitos médicos, dentistas, farmacêuticos, engenheiros, advogados, jornalistas, publicitários ou qualquer outra profissão...
Ser Pedagogo é ser responsável pela vida, pelo caminho de cada um destes profissionais que hoje na faculdade e na sociedade nem se quer lembram que um dia passaram pelas mãos de um Pedagogo.
Ser Pedagogo é ser mais que profissional, é ser alguém que acredita na sociedade, no mundo, na vida.
Ser Pedagogo não é fácil, requer dedicação, confiança e perseverança.
Hoje em dia ser Pedagogo em uma sociedade tão competitiva e consumista não torna-se uma profissão muito atraente, e realmente não é.
Pois os valores, as crenças, os princípios, os desejos estão aquém do intelecto humano.
Hoje a sociedade globalizada está muito voltada para a vida materialista.
As pessoas perderam- se no caminho da dignidade e optaram pelo atalho da competitividade, é triste pensar assim, muito triste pois este é o mundo dos nossos filhos, crianças que irão crescer e tornar- se adultos.
Adultos em um mundo muito poluído de idéias e sentimentos sem razão.
Adultos que não sabem o que realmente são.
Alienados, com interesses voltados apenas pelo Ter e não pelo Ser.

Ser Pedagogo é ter a missão de mudar não uma Educação retorcida, mas ser capaz de transformar a sociedade que ainda está por vir.
Pode ser ideologia pensar assim, mas como Pedagogos temos a capacidade de plantar hoje nesta sociedade tão carente de valores, sementes que um dia irão florescer.
E quem sabe essa mesma sociedade que hoje é tão infértil possa colher os frutos que só a Pedagogia pode dar.