domingo, 6 de junho de 2010

Musiquinha - Tomatinho Vermelho




Essa música sempre foi um sucesso entre as crianças.
Elas adoram a história do tomate esmagadinho, não que gostem de tragédias rs, mas dentro dessa pequena musiquinha, podemos trabalhar diversos temas.

Tomatinho vermelho
Pela estrada rolou
Rolou!
Um grande caminhão veio
E o tomatinho esmagou
Esmagou!
Coitado do tomatinho
Amassado ele ficou
Ficou!
Coitado do tomatinhoooooooooooooooooo

...

Catchup virou, catchup virou
Catchup virou, catchup virou


Agora com anotações e dicas para trabalhar essa música com as crianças
Tomatinho vermelho
- Vamos incentivar os nossos pequenos à pesquisa. Afinal tomate é fruta ou legume?

Pela estrada rolou

Rolou!
- Se o tomate rolou foi devido sua forma esférica. O que mais pode rolar?

Um grande caminhão veio

Tomatinho esmagou

Esmagou!


- O tomatinho estava no meio da rua, o caminhoneiro não viu, é perigoso atravessar a rua sem olhar. Caminhoneiro é uma profissão bem interessante, podemos pesquisar junto aos pequenos essa profissão e o caminhão pode servir de ponto inicial para os meios de transporte.


Coitado do tomatinho

Amassado ele ficou

Ficou!
- Porque o tomate ficou amassado, se fosse uma bola de futebol ficaria? E uma laranja? Vamos amassar diversas frutas e objetos para ver como fica.

Coitado do tomatinhoooooooooooooooooo


Catchup virou, catchup virou
Catchup virou, catchup virou

Hum! Essa é bem interessante.
O processo de criação dos alimentos
.

As crianças não sabem como os alimentos são feitos. Muitas delas acham que a carne vem do mercado, da bandeja, da prateleira e nunca do boi.
Lembro até hoje da carinha de espanto de um aluno quando eu disse que a carne era do boi, porco, galinha e o leite da vaca.
Meu sobrinho não comia tomate de jeito nenhum, mas amava macarrão ao sugo e se lambuzava no catchup. Até que eu disse que tanto o molho como o catchup eram feitos do mais puro tomate.
Mais uma carinha de espanto. Hoje come tomate, mas picadinho, porque a avó pica tudo no prato. Até pra mim, isso em minha época de solteira, ai saudade!
Nos dias de hoje com tudo industrializado não podemos esquecer-nos de conscientizar os pequenos da origem dos alimentos.
De uma pequena musiquinha, podemos levá los a tantas descobertas significativas.
Nada vem do mercado, o mercado é o final e não o começo.
Vale a pena uma conscientização. Vejo tantos projetos em escolas falando sobre o Meio Ambiente, saber de onde vêm os alimentos é de extrema importância para o meio ambiente.
Sempre falo e repito. A criança é um ser atuante na sociedade, só depende de nós ajudarmos a construir cidadãos críticos e pensantes.

2 comentários:

O que tem a dizer?

Ser Pedagogo

Ser Pedagogo não é apenas ser Professora, Mestre, Tia, Coordenadora, Supervisora, Orientadora, Dona de escola.
É mais do que isso.
É ser Responsável.
Ser Pedagogo é ter coragem de enfrentar uma sociedade deturpada, equivocada sem valores morais nem princípios.
Ser Pedagogo é ser valente, pois sabemos das dificuldades que temos em nossa profissão em nosso dia a dia.
Ser Pedagogo é saber conhecer seu caminho, sua meta, e saber atingir seus objetivos.
Ser Pedagogo é saber lidar com o diferente, sem preconceitos, sem distinção de cor, raça, sexo ou religião.
Ser Pedagogo é ter uma responsabilidade muito grande
nas mãos.
Talvez até mesmo o futuro...
Nas mãos de um Pedagogo concentra- se o futuro de muitos médicos, dentistas, farmacêuticos, engenheiros, advogados, jornalistas, publicitários ou qualquer outra profissão...
Ser Pedagogo é ser responsável pela vida, pelo caminho de cada um destes profissionais que hoje na faculdade e na sociedade nem se quer lembram que um dia passaram pelas mãos de um Pedagogo.
Ser Pedagogo é ser mais que profissional, é ser alguém que acredita na sociedade, no mundo, na vida.
Ser Pedagogo não é fácil, requer dedicação, confiança e perseverança.
Hoje em dia ser Pedagogo em uma sociedade tão competitiva e consumista não torna-se uma profissão muito atraente, e realmente não é.
Pois os valores, as crenças, os princípios, os desejos estão aquém do intelecto humano.
Hoje a sociedade globalizada está muito voltada para a vida materialista.
As pessoas perderam- se no caminho da dignidade e optaram pelo atalho da competitividade, é triste pensar assim, muito triste pois este é o mundo dos nossos filhos, crianças que irão crescer e tornar- se adultos.
Adultos em um mundo muito poluído de idéias e sentimentos sem razão.
Adultos que não sabem o que realmente são.
Alienados, com interesses voltados apenas pelo Ter e não pelo Ser.

Ser Pedagogo é ter a missão de mudar não uma Educação retorcida, mas ser capaz de transformar a sociedade que ainda está por vir.
Pode ser ideologia pensar assim, mas como Pedagogos temos a capacidade de plantar hoje nesta sociedade tão carente de valores, sementes que um dia irão florescer.
E quem sabe essa mesma sociedade que hoje é tão infértil possa colher os frutos que só a Pedagogia pode dar.